terça-feira, julho 06, 2010

Recomeço



Da época e da confusão. Não teria sido melhor para todos haver um esclarecimento pedagógico que permitisse avaliar correctamente os porquês de uma mudança de símbolo? Será que uma transferência de um jogador de futebol, por mais importante que seja, terá de levar a um extremar de posições e a palavras tão duras? Penso que não, aliás não me parece que neste mundo do futebol português haja assim tanta gente sem telhados de vidro que se possa dar ao luxo de atirar pedras aos telhados dos outros. Além disso o desporto, o negócio e o espectáculo é de todos, desvalorizando-se um, desvalorizam-se todos. Se calhar estou a ver mal o problema.




1 comentário:

  1. A transferência do atleta João Moutinho do SCP para o FCP prova aos adeptos leoninos que o inimigo não mora no outro lado da 2ª Circular. Este é mais astuto, velhaco, como prova a aproximação ao jogador feita em 2008 na cidade do Porto. Facilmente se conclui que a "maçã" não apodreceu sozinha, foi contaminada por um microrganismo, acabando por ter este desfecho, na linha dos outros negócios ruinosos com o "clube amigo". Estranha-se é o facto das constantes propostas feitas pelos ingleses do Everton terem sido rejeitadas, denotando a incompetência directiva que grassa para as bandas de Alvalade. Por tudo isto, pela condição de submissão a um rival directo, temo que o treinador, director desportivo e presidente, não aguentem nos seus cargos até ao Natal graças ao aroma frutado em que vive o futebol português.

    http://dylans.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar